terça-feira, 10 de março de 2009

Imagem


"Eu sou tão pequenino do tamanho de um botão (menor), carrego papai no bolso e mamãe no coração".
Ouvir você há mais de 118 por minuto foi algo simplesmente indescritível!
Perguntei ao médico do exame:
Dr. se eu disser que sinto o coração dele(a) bater o senhor dirá que estou ficando doida?
Resposta:
Sim! É muito pequeno e não dá para sentir!
Tá bom, então, estou ficando bem doida e tô adorando!

7 comentários:

Laura disse...

Foi so quando eu ouvi essa miniescoladesamba disfarçada de gente em miniatura que eu acreditei que estava gravida.

Gravei um pedaçinho na consulta seguinte e ouvia toda hora!!!!

yaralucas disse...

Onnnn que lindo, parabéns!!

Dra. May Keenan disse...

Olá!

Que fofoooo!

Parabéns viu!

Beijos

Diane Lorde disse...

Meninas, tô adorando estes comentários meigos, fico ainda mais bobinha... assim vocês me amolecem...
Valeu!
Beijocas procês:)

O Profeta disse...

Para lá desta janela sincera
Mora a luz radiosa, inconstante
Esta Lira liberta uma breve melodia
Que a brisa carrega adiante

Passos amedrontados
Olhos abertos sem vida, sem fervor
Sons mais que mil e muitos
Máscara da ironia de Deus superior

Bom fim de semana


Mágico beijo

Ane Brasil disse...

"mulher barriguda que vai ter menino
qual o destino que ele vai ter
Haverá guerra ainda?
Tomara que nããão!
lálálálaála´lará"
- mulher barriguda, secos e molhados.
Aí, quer uma sugestão?
Vai cantando pro pirralho. ou cole a sua barriga na caixa de som... faça a experiência, ouça com ele pelo menos 1 música todos os dias... depois quando o pirralho nascer ponha a vitrola pra tocar... eles reconhecem! é sério!
Sorte e saúde pra todos - sobretudo pro pirralho/a

Diane Lorde disse...

Sabe Ane, vou seguir a dica da música, sempre ouvi dizer isto e creio que seja totalmente real e para mim ouvir música será facinho, facinho!
Valeu, bjocas:)