quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Hein?

Será que eu sonhei ou um dia neste ano corrente e quase findado de 2008 eu tive uma moto?
Não, não sonhei e minha conta bancária "perdeu" os R$&&&&&&,00 muito suados para quitar à vista um veículo que funciona à prazos largos e longos.
Dia 3 completará UM Mês que estou sem a motoca!
Última vez em que estivemos juntas ela me largou no centro da cidade de Sampa a noite e sozinha. Motoboy muito (nada) gentil a fez funcionar e eu em cólicas para tentar chegar a um local mais conhecido e com pessoas...
Hoje novamente telefonei na loja, concessionária, muquifo, cafofo, coisa, para dizer apenas que só desejo um documento (que ainda falta), para poder comprovar junto aos órgãos competentes que fui e estou sendo lesada.
Não quero mais aquela tão sonhada moto, já chorei, já passei mal, já tive taquicardia, problemas ginecológicos, psicológicos. Agora basta!!!
Ou meu din din de volta (coisa que honestamente acho pouco provável) ou o Fórum terá mais um processado ainda neste 2008.
E tenho dito!

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Desencontros

Aí que tá funcionando assim:

De 10 à 15 de novembro o japa estava em Paris;

De 20 à 23 Eu estive em Buenos Aires;

De 24 à 1º o japa estará na Bahia.

Todos os finais de semana de dezembro já temos compromissos agendados: festas anuais, encontros, jantares, amigo secreto, aniversário...

Acho que vou pedir para o papai noel um marido de presente bem presente:)

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Mi Buenos Aires Querido


Fui alí, dar um pulinho em Mi Buenos Aires querido e já voltei!
Já havia estado lá outras 3 vezes (se não errei nas contas), mas, desta vez, foi ainda melhor!
Mami´s foi juntinho comigo!
Rimos muito, nos divertimos muito e ficamos assim muito, muito felizinhas!
Os passeios foram os básicos:
Café Tortoni (150 anos de tradição);
Recoletta (para saber se Evita continua lá...);
Porto Madero (porque o lugar é legal);
Caminito (para ver os "tangueiros" bailando na rua);
Havanna (porque não há melhor alfajor do que lá);
Galeria Pacífico (para admirar o teto).
A bombonera (para tirar fotinhas com a estátua de Don Diego);
Lá me sinto em casa!

terça-feira, 18 de novembro de 2008

Esperando

Falta pouco mais de 48 horas para o feriado de 5ªfeira (em Sampa), e, por obra divina, graças a Jeová (tenho uma amiga que sempre fala assim), emendaremos eu, meu chefe, toda a equipe, a 6ªfeira. Êta feriadinho mais que esperado sô!
As alegrias advindas do feriado já começam a se concretizar:
Mami´s chegará na 4ªfeira;
Irei juntamente unida com mami´s ao cabeleireiro;
Vamos viajar, eu e mami´s.Para onde?
Conto daqui a pouquinho..rsrs

Presentões!


Como eu ainda não fui à Sephora, a Sephora vem a mim através do japa!
Muito legal, e o melhor é que não envelhecerei nos próximos 365 dias do ano!
Vários, disse bem, vários cremes, creminhos, cremões anti-tudo, idade, rugas, pele feia.
A vida é bela e meu amado amor um homem sensível para comprar coisinhas tão meigas, fofas e encantadoras!

sábado, 15 de novembro de 2008

Grevistas franceses

Mais que chique, nem sabia que francês fazia greve. Achei que era coisa de país de terceiro mundo.
Ontem o japa havia me dito que talvez tivesse problemas para retornar pois, os pilotos franceses estavam em greve e que já estavam com 70% de paralização. Entrei em sites de notícias , pesquisei e é realmente real...
Liguei na Air France e o simpático moço me disse: Senhora, até o presente momento o vôo &&& esta confirmado mas, peça para o seu marido ir com antecedência ao aeroporto, se informar quanto ao horário correto da saída do avião.
Há, tá, quer dizer que para vôos internacionais já temos que chegar com 3 horas de antecedência, então melhor o japa nem dormir, ir direto e pedir por "santos todos" que consiga sair da cidade Luz.
Últimas notícias é que haverá o vôo! Com uma hora e trinta de atraso mas, haverá!
Já estou aqui na expectativa da ida até Guarulhos (logo alí), para vê-lo. A volta é sempre melhor que a ida.

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Aquário Ambulante


Aí ontem eu havia deixado uma sacola de tecido no porta-malas do carro - carro emprestado pois o original esta na revisão - quando fui tirar a noite a dita sacola percebi que a mesma estava molhada, pensei, putz, esqueci alguma garrafa d'água dentro, olhei e nada.

Comecei a apalpar o porta-malas e percebi que estava muito molhado.

Resolvo tirar o negócio que tampa o estepe e tcharam:

Tinha mais ou menos uns 4 litros d'água onde "mora" o estepe.
Não tenho idéia de como a água foi parar lá, pelo visto já era coisa antiga, tipo quase um criadouro de dengue...
Fiquei uma meia hora só para desatarraxar o pneu, e outra meia hora para retirar a água do aquário ambulante. Será por este motivo que eu estava achando o carro tão pesado?

Lista


Ainda sou do tempo de fazer listinhas para não esquecer das coisas.
São práticas e funcionam muito bem!
Porque não há coisa pior do que dizer: amanhã preciso fazer tal coisa, e o cérebro simplesmente não registrar.

Framboesa


Vale confundir Amora com Framboesa?

Lá em casa, platada num vaso tenho um pé de Framboesa que eu jurava que fossem Amoras mais "gordinhas"... só eu mesma né?! O gosto é realmente diferente mas muito bom também

Café da manhã


Minha última mania matinal tem sido me alimentar de Danoninho (que vale por um bifinho) e Bolinho Ana Maria, adoro todos os sabores!

terça-feira, 11 de novembro de 2008

Japa Ausente

Coisas difícies quando o japaman esta na terra do longe, muito longe.
1º "Guardar" o carro na garagem. A garagem de casa é um abismo com uma inclinação fora do normal de 25º, penso todos os dias que o engenheiro que há projetou não tinha mãe.
2º Dormir só. Adoro deitar na "asinha" do japa, é muito aconchegante. A filhota fica na porta do quarto e nem entra porque não há como dormir embaixo da cama, porque não existe "embaixo da cama".
3º A casa não parece o lugar mais seguro quando estamos somente eu a filhota. Não sou medrosa, mas dá uma senssação estranha de que algo irá acontecer... eu hein...
4º Não tem com quem conversar. E eu quase nem gosto de falar né?!

Tem mais um montão de coisas mas, deixa para outra postagem.

Cabelos em pé


Sabe aquele dia em que você amanhece com os cabelos em pé?
Não é força de expressão, é literalmente quando parece que levou um choque...
Ainda bem que já inventaram spray ultra poderoso abaixa cabelos revoltos que pelo visto não dormiram.

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Dentes


Acho engraçado quando me perguntam:
Ué mas você tá usando aparelho ortodôntico pra quê?
Reposta:
Bem, na verdade eu sou Aparecida mesmo!
Claro que não, tô brincando..rsrs
Sou dentucinha desde criancinha, já havia mexido na tão distante infância aí os anos passaram e a arcada dentária resolveu ceder e empurrar os dentões para a frente novamente.
Claro que eu me incomodava mais que as pessoas mas já disse que me recuso a ficar velha e dentuça, tipo a Mônica (Maurício de Souza).
Aí fico pensando:
Será que quem fala esta fazendo um tipo de elogio disfarçado?
Fonte: calha.zip.net/imagens

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

58 aninhos


Dia 1º foi aniversário dela, por motivos de distância, ainda não nos abraçamos, pude apenas dar aquele telefonema básico, fingindo ser a "moça" do disk mensagem..
Sempre penso em fazer mil coisas, "aprontar" mas, este ano será diferente, a comemoração será feita em outro lugar, exatos 20 dias depois do dia.
Para ela a minha mais doce alegria de viver e que os anos que ainda estejam por vir, reservem melhores dias!
E claro,vou desejar SAÚDE!

Enganada

Aí que outro dia peguei um taxi, a corrida saiu uns R$38,22 tinha duas notas de R$20,00 entreguei e cheia de pompa disse:
Fique com o troco, crente que estava oferencendo R$1,78 o cara fez cara de nossa que ótimo e foi embora.
Aí meu ilustre japaman, perguntou quanto havia sido a corrida, falei e pra mim tudo certo, qual não foi minha surpresa ao perceber que havia entregue uma nota de R$50,00 e outra de R$20,00, por esta razão o risinho besta na cara no cafajeste, que levou R$ 31,78!
Que raiva!
Ou seja, o cara deveria ter me deixado no aeroporto, a contar pela quantia da corrida!
Nunca havia acontecido, até porque nem tomo tanto taxi assim mas, juro, fiquei sem acreditar!
Pô, confundir uma nota de 50 com uma de 20 foi realmente o fim!
Então, povo, atenção:
Saiba quanto tem na carteira,
Conheça as notas de Real utilizadas no Brasil varonil há algum tempo,
Você poderá ser roubado.
O duro não é o dinheiro porque vou trabalhar honestamente e ganhar outro, o duro é ser feita de idiota!

Brigadeiro




Tava com muita vontade de comer brigadeiro, fui até a padaria e vi que cobram R$9,00 por uma porção com 4 unidades, aí pensei:
Farei eu mesma!
Confesso! Nunca havia feito brigadeiro na minha vida, tive até que seguir receita...
Realmente é bem fácil!rsrs
Agora que me deu uma pregui infinita de enrolar bonitinho há isto deu, então ficaram assim, cada um do tamanho da vontade de comê-lo.

Enroladinho



Isto é um enroladinho de cachorro!

sábado, 1 de novembro de 2008

Arco-íris


Quem foi que disse que em Sampa ele também não dá as caras?
Este foi visto pela última vez em agosto/08

Tudo vira Risoto


Tudo mesmo pode virar Risoto!
Outro noite cheguei em casa com uma fome violenta, novas, e mesmo querendo comer novamente macarrão instâneo resisti à tentação.
Abri a geladeira e lá estavam: resto de arroz branco, azeitonas recheadas, resto de molho de tomate, ovos, queijo ralado...hum...
Lá vamos nós fazer risoto, há bem da verdade, virou um mexidão róseo saborosíssimo!
Comi acompanhada da minha cadela que me olhava sem compreender a cara de satisfação por não haver nenhum bifinho no prato mas, eu sou mesmo é vendida por um bom prato de arroz!

Pastilhas Amigas

Gosto muito de sorvete!
No frio, no calor, na primavera, no verão.
Aí que outro dia troquei o almoço por quase 300g do maravilhoso sorvete de creme, resumo da ópera, pastilhas para acalmar a garganta no dia seguinte, por que será né?!
Como diz minha avó, tudo o que passa sobra! Beba, tome, coma com moderação!

Bolsas


Sou doidinha por bolsas, adoro todas, das mais caras até aquelas vendidas nos camelot´s, no momento minhas paixões são estas sacolas ecológicas, servem para ir ao mercado, a padaria, para sair rápido de casa.
E bolsas comigo funcionam assim: quanto mais melhor, porque sempre haverá um modelo que eu ainda não tenho...
E mais um detalhe: troco de bolsa Todos os dias!
Pra não enjoar sabe?!