terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Metropolitano

Voltando a morar no novo velho bairro lembrei e pude sentir na pele que teve uma época em que eu era uma "feliz (?) frequentadora do antigo hospital Iguatemi, que agora atende pelo nome de Metropolitano, metropolitano de metrópole, muita gente, gente saindo pelo ladrão.
Ontem baixei lá no tal hospital por motivos um um infeliz resfriado/gripe que esta me consumindo e tirando o sono, o ar, o ânimo, as forças.
Cheguei às 11h28 sai após ser vista pela triagem, pela médica e após medicação às 15h30.
Já me disseram que hospitais nos finais de semana costumam ser lotados, descobri que nas segundas-feiras idem.
Então já sei: o melhor mesmo é não ficar doente nunca!
Vou procurar não esquecer disto!

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

15 meses 16 meses

Hoje é dia de comemorar mais um mês de vida do meu pequeno (grande) japakid lindo, lindo, são 16 meses (1 ano + 4 meses no calendário).
Como estou utilizando computador emprestado do japamarido e meus pertences computadorecos permanecem "perdidos" no meio da bagunça, publicarei as fotos posteriormente.
Hoje como sempre vou desejar Muita Saúde e menos tombos.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Mudança passo a passo

Prometi que iria contar e oferecer algumas dicas para que ninguém faça igual....

- Programe-se, sei que pode parecer óbvio e que ninguém muda da noite para o dia mas, como sempre há um mas... se tiver a oportunidade de se programar para o "evento" ganhará horas preciosas num futuro bem próximo;
- Coloque os objetos nas Caixas com Identificação, tá você acredita fielmente que "aquela" caixa é diferente das demais e que não precisa identificar, mais um engano, quando estão todas juntas elas ficam exatamente iguaizinhas - Identifique nem que seja com símbolo, cor, etiqueta, ou alguma outra coisa cuja qual você não precise abrir para saber o que mesmo esta la dentro;
- Mantenha objetos pessoais (higiene e documentos) sempre em seu poder, ou já no local definitivo muito bem guardado, onde possa localizá-los, acrescente aqui também carregadores de celular, pen drive, estas coisas básicas que são muídas e costumam "sumir" na mudança;
- Tenha ao menos uma muda de roupas (inclua peças íntimas, meias) "fácil" porque não sabe quando irá precisar da mesma. No meu caso o dono do caminhão da mudança ficou com tanta pena das minhas coisas largadas ao vento que deixou minha mudança guardada no caminhão por três dias até que a situação ficasse menos pior; conclusão, fui salva pelo gongo pois as últimas peças de roupas foram tiradas do varal e pegadas no susto, as mesmas que usei até que as minhas chegassem;
- Se o local que você esta indo já esta definido o que fica onde, peça para que os carregadores ao menos coloquem os objetos nos seus devidos "locais", caso contrário certamente encontrará coisas da lavanderia dentro do seu quarto de dormir;
- Mantenha a calma, porque não coloquei como primeiro item? Fica a dica!;
- Deixe o local limpo, ninguém gosta de alugar uma casa suja (ao menos este tópico consegui);
- Limpe o local para onde esta indo, ninguém gosta de ir para um lugar sujo;
- Lembre-se de solicitar mudança de endereço para as correspondências, se não, já sabe, terá de ficar buscando as contas já vencidas no antigo endereço;
- Sempre que precisar voltar ao endereço antigo, lembre-se de avisar o atual morador;
- Deixe as chaves com o inquilino, mas lembre-se de manter uma cópia em local seguro, afinal a casa permanece sendo sua;
- Contrate alguém de confiança para realizar sua mudança, neste quesito fui feliz. Contratei  Mudanças Loyola serviço nota 10 trabalham em toda São Paulo, interior, preço camaradíssimo! 9243-8281 e 9129-2543
- Deixe os animais de estimação em local seguro, enviei minha lady cadela para a casa do super amigo Danilo, que também é dono de dois simpáticos cães. Mas se você não tem a mesma sorte de ter amigo como o meu, mega camarada, alugue um local para mantê-lo até que as coisas se acalmem;
- Falei de animais e vou manter a mesma para crianças pequenas, tá, você não irá deixá-los no pet mais próximo mas poderá deixá-lo com a vovó querida, que foi o meu caso, criança e cachorro em meio a mudança realmente não combinam.
Certamente há mais coisas que acabei esquecendo no momento, mas espero que possa ajudar alguém em situação semelhante.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Sem tempo

Depois venho aqui contar como foi a "Saga da Mudança".
No momento as caixas e a obra estão me consumindo de tal forma que não tem sobrado tempo para os pequenos grandes prazeres da vida.