quinta-feira, 30 de outubro de 2008

A pedidos, o Meme!

Recebi esse Meme da Laura e seguem minhas respostas:

Nome: Diane Lorde
Idade: 33
Local de Nascimento: Terra da Garoa, São Paulo/SP
Peso: 48 kilos mas isto irá mudar com os treinos
Altura: respirando bem fundo 1,60
Apelido de infância: Tenho um nome curtinho então, não tive, o máximo que alguém às vezes ainda me chamava é apenas Di, ou Didi.
Qual é a sua maior qualidade? Simpatia
E seu maior defeito? Teimosa demais! Gosto das coisas do MEU jeito
Qual é a característica mais importante em um homem? Inteligência, porque sem ela tudo fica impossível.
E em uma mulher? Também, mulher burra não dá mesmo!
Qual é a sua idéia de felicidade? Não pirar o cabeção por coisas banais.
E o que seria a maior das tragédias? Não ter as pessoas que amo próximas.
Quem você gostaria de ser se não fosse você mesmo? Não sei se alguém especificamente mas com algumas qualidades que faltam, tipo disciplina, mais culta, estas coisinhas básicas, uma executiva de sucesso.
E onde gostaria de viver? Qualquer lugar onde pudesse estar com minha mãe.
Qual é sua cor favorita? Honestamente? Acho que azul, branco, sei lá, sou eclética.
E o seu desenho animado? Atualmente Bobby Esponja, ele é inocente, gosto disto em desenhos animados, e já algum tempo que não assisto a Vaca e o Frango, que também seguem a mesma linha. Para mim, desenho tem que ser desenho.
Quais são os seus escritores preferidos? Leio pouco mas, aprecio o Paulo Coelho.
E seus cantores e / ou grupos musicais? MPB, Pagode, Sertanejo, Romantico, Música Caipira.Na verdade, desde que não seja rock, ouço praticamente tudo.
O que te faz feliz instantaneamente? Estar com a cabeça boa, os pensamentos leves, o espírito elevado, manter a concentração, é que às vezes coisas simples nos parecem tão complexas.
Quais dons você gostaria de possuir? Teletransporte. Mas, no plano real, um sexto sentido que funcionasse descentemente já me valeria a pena.
Tem medo da morte? Não. De verdade não. Mas, tenho muito medo de me acidentar e ficar vegetando por anos a fio.
Quem é seu personagem de ficção favorito? Sei não!
Qual defeito é mais fácil de perdoar? Qualque um desde que perdoem os meus também.
Qual é o lema de sua vida? Frase de uma música: Sei que não dá para mudar o começo mas, se agente quiser poderemos fazer um final diferente.
Qual sua maior extravagância? Largar a minha vidinha "besta" pacata, meu emprego, e mudar de cidade, ficar 3 meses, largar tudo novamente, e neste tempo encontrar o homem das minhas vidas (é que já combinamos).
Qual sua viagem preferida? A próxima! Mas a Europa foi um marco!
Se pudesse salvar apenas um objeto de um incêndio, qual seria? Talvez o secador de cabelos..rsrs
Qual é o maior amor de sua vida? Mãe, Décio.
Onde e quando foi mais feliz? Sempre que estou perto da minha mãe, independente do que esteja efetivamente acontecendo.
Qual é sua ocupação favorita? Atualmente, fazer lições do Kumon.
Pensa em ter filhos? Às vezes acho que sim, às vezes acho que não.
Quantos? Se decidir, e for da minha vontade, apenas UM, muito bem caprichado!
Um animal de estimação: Minha cadela Lana, que me enlouquece mas é uma fofa!
Uma atividade física: Academia.
Um esporte: Musculação.
Um prato que sabe fazer: Arroz, macarrão, salada, carne cozida, strogonoff (mais ou menos).
Uma comida que gosta: Macarrão !
Uma invenção tecnológica sem a qual não vive: Secador é uma invenção tecnológica? Net, Celular, Câmera Digital.
Gasta mais dinheiro com: Bolsas.
O que não faria em nome da vaidade? Quando precisar muito, uma plástica nas mamas.
Uma mania: Não tenho manias.
Uma saudade: Da minha mãe, todos os dias.
O primeiro beijo: Deve ter sido ruim porque me esqueci completamente.

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Cadela

Estou pensando seriamente que minha cadela deve gostar de ficar de castigo!
Já há algum tempo temos tentado ensiná-la a não fazer suas cacas na frente da porta da sala... detalhe - há um grande quintal gramado só para ela fazer 1000 cacas se desejar mas não, ela insiste em caquear na área da entrada social do lar doce lar!
Aí funciona assim:
Mostramos que fez coisa errada e a deixamos trancafiada na área de serviço que dá acesso ao gramado, são 24 horas de castigo, tipo Jack Bauer, 24 horas para pensar nos erros e saber que lá é cacódromo oficial...
Já coloquei bacia d'água no local para ela perceber que alí não é lugar para estas coisas, já restringi o acesso porque aí quem sabe ela esqueceria... sabe o que houve? Ela fez 2 caconas em cima da mangueira...e.c.a.!
Resumo da ópera ontem pela milionésima vez ela foi para o castigo das 24. Só sairá hoje quando eu retornar para a casinha!
Se alguém tiver alguma sugestão estou aceitando de muito bom coração!

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Herbalife

Tenho um amigo que esta vendendo Herbalife, fiquei conhendo um pouco mais sobre os produtos e tô achando tudo de bom, vou comprar logo, logo! (belezaecorpo.com).

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Cabelos novamente


Não vocês ainda não viram esta foto, muito embora ela seja quase igual a uma outra publicada há uns dias...
E lá fui euzinha esta semana outra vez, novamente ao cabeleireiro.
Fazer o que?
Alisar, esticar, progressivar!
Tirar a cara de urso com a qual eu me encontrava.
O lugar é tudo de bom e honestamente desejo que desta vez dure o tempo que costuma durar ou eu realmente terei que mudar de profissão e virar logo sócia/proprietária de um salão de cabeleireiro exclusivo para a minha pessoa.
Putz!
Ficou lindo, espetáculo, maravilhoso, fui hiper, mega maxi bem tratada.
O lugar é o Dell'Arte (www.studiodellarte.com.br), estive na unidade nova em Santo Amaro, não sei o bairro, o telefone é: 5523-5746, a equipe toda dão um show, e o Claude é um capítulo a parte de competência e simpatia!

Macarrão instantâneo

Um salve para quem inventou o macarrão instantâneo!
Para aqueles dias em que você simplesmente não esta a fins de cozinhar nadinha mas necessita
comer, macarrão pra crescer... nem que seja para os lados....rsrs
Cada um tem uma maneira diferente de preparo, tenho um amigo de coloca um ovo para cozinhar junto, ainda não tentei, pois, honestamente não achei tentador.
O meu jeito de fazer Miojo, Lámen é o seguinte:
Já cozinho com o tempero, coloco tudo na água, acrescento um pedaço de manteiga, um pouco de molho de soja ("Shoyu) para não ficar com aquela cara de anemia, e quando vou colocar no prato, forro com requeijão cremeso, fica um luxo só!

Bagunça


E ontem foi o 1º dia da semana que resolvi fazer o jantar, calma eu janto todas as noites mas como esta uma correria só, tenho comido "qualquer coisa".
Aí bateu a inspiração e lá fomos nós (eu e os utensílios) não sei como consigo sujar tanta coisa!
Já me deram a dica de ir lavando enquanto a bóia não fica pronta, mas e quando você precisa mexer as panelas, arrumar a mesa, fazer suco, tirar gelo da forma...
Resumindo, quando acabei e a pia parecia um campo de guerra mas, valeu a pena!
Adoro fazer comida e obviamente comer, o japa me acompanhou comendo...
Porque ser mulher não é mole não.

A casa


E ela continua lá...
A casa onde dissemos sim para um amor de muitas vidas.
A casa que ficou linda.
A casa bem miluminada.
A casa bem cantada.
A casa foi um detalhe importante na festa e para os convidados.
A casa esta a venda.
Não, não a compraria mas foi uma sensação terna passar em frente e lembrar de cada momento daquela data tão feliz.
Já se passaram 5 anos, e eu faria tudo exatamente igual!

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Aprendendo

A motoca esta servindo para muitas coisas na minha vida:



1. Ter mais paciência


2. Saber que pior que os buracos na rua são as emendas no asfalto, quase me derrubam o tempo todo, sem contar ainda umas placas de latão que conseguem ser ainda piores que os próprios buracos, porque são altas e escorregadias.


3. Já listei ter paciência? É que hoje tive uma prova viva disto! A motoca simplesmente desligou e nunca mais funcionou no meio da rua! Sorte estar ao lado de um posto de combustíveis e poder deixá-la até que alguém (claro que não eu), ir retirá-la.


4. Estar certa que não morrei infartada de tantos sustos que tenho passado.


É isto, vivendo e aprendendo sempre!

Bem estar

A sensação de cumprir o prometido é muito boa...
Uma realização bobinha mas que faz muito, muito bem à alma, ao espírito, e a mim mesma, tendo em vista que fui "Eu, Eu mesma e Irene," que prometemos.

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Cumprindo...

E ontem já comecei a cumprir uma das promessas, fui fazer avaliação física para iniciar na Acabemia na 2ª feira!
Tá bom que a avaliação foi digamos no mínimo frustrante mas, tudo bem, já estou me despedindo deste corpinho, e pensando que em 2009 estarei saradona, é porque magra eu já sou, agora manter os produtos originais de fábrica no lugar é que não tá fácil...
Já paguei, agendei horário, separei as roupas para tomarem um solzinho no final de semana, e começar na 2ªfeira com o pique total!
O Kumon, se nada me atrapalhar, irei no sábado!
É, Diane promete, Diane cumpre!

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Promessas

Aproveitando as campanhas.
Eu prometo em breve muito breve:
- Retornar à Malhação!
Ia começar só em 2009 mas como ainda faltam 2 meses para o final do ano, achei melhor já ir me reacostumando novamente;
- Voltar para as aulas de matemática no Kumon!
Sim, porque não sei somar, nem dividir, nem multiplicar, e também não aprendi a diminuir, só mesmo o método Kumon para me tirar desta roubada.
Por hora basta, se conseguir cumprir estas únicas promessas já ficarei bastante feliz, saudável e inteligente óh!
(fonte: dialogosocial.files.wordpress.com)

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Franguinho

Meu sogro me disse que fico a "cara" do franguinho da sadia quando estou de motoca, taí, gostei!
Motivos?
Ele é Sadio (óbvio), Engraçadinho (também sou), e ligeiro (ainda não sou).

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Esqueça as camisas, vamos comer!

Aí que saí de casa com o japaman na intenção de ir comprar camisas, motivos que estava ele assistindo ao canal da compra e viu camisas a preço de galinha morta, uma pechincha mesmo;
Vamos minha linda, vamos comigo.
Ok, lá vamos nós:
Chegamos, realmente a loja era aquilo que imaginávamos:
Muita gente, preços bacanas mas qualidade duvidosa.
Encontramos alguém para nos atender, com uma boa vontade de fazer dó.
Aí solitamos o tamanho, as cores.
Moçoila traz:
Camisa amarela, roxa, xadrez, laranja....
Tudo bem, que o japa até é moderno mas em sendo japonês, o amarelo ovo certamente não cairia bem...
Juro, foi a 1ª vez que vi o Mô, perder a paciência em loja, simplesmente me olhou numa das milionésimas vezes em que a moçoila foi tentar encontrar o que realmente estavamos procurando, e saímos às francesa, sem nem dizer tchau.
Grosseria né?
Mas, pensando bem, eu teria feito ainda pior...rs
Bem, tentamos ir a outro endereço, roda daqui, dali, achamos mas, tava difícil estacionar, resumindo:
O japa desistiu de comprar (milagre), acho que realmente se iritou com a moçoila, ficou indignado e não quis mais saber.
Acabamos o dia almoçando num lugar bacanézimo (http://www.mestico.com.br/), a boa pedida é na entrada degustar o delicioso krathong-thong (uma cestinha crocante com franguinho desfiado, e uns temperinhos gostosinhos).
Foi assim tudo de bom ainda que sem as camisas!

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Se...

Não chover, levarei a motoca para a revisão;
Não tiver com um sono infeliz, levantarei cedo;
A "pregui" deixar, resolverei minhas pendências caseiras;
Se o mau humor não me pegar (olha que esta tentando), vou chegar até o final desta 6ªfeira ensoladara (oba).

É isto!
Tô chatinha...mas vai passar, ô se vai!

Sandubão


Depois da minha showaula na 3ª feira às 22h30 da night resolvi ir com o japa comer um sanduichinho (hein), bota saunduiche nisto!!!

Comemos no Burdog, muito bom mesmo! (http://www.burdog.com.br/)

O lanche é grande mas não é enjoativo, a batata frita sequinha e a maionese que vem dentro do sandubão é feita pela casa.

Apesar do horário e da culpa, tava ótimo e recomendo!

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Sou de cera...

"Sou de cera, quero quem me queira". Quem me falava este ditado era minha avó paterna, e hoje vou concordar com todos os aspectos.
Já basta ter que fazer número (às vezes) no trabalho, na vida familiar, com amigos... calma, sou verdadeira mas às vezes temos que engolir muitos sapos para não desistirmos da humanidade, agora, ter que posar de boazinha o tempo todo e amar à todos?!
Sinto muito, ainda não cheguei a este nível de superioridade.
Claro que gostar de quem a gente já gosta é fácil, dirão, difícil é gostar de gente que não tá nem aí, agora isto só é válido se realmente fará alguma diferença em sua vida.Caso contrário, tô fora e não farei mais número nenhum.
Quer, bem; não quer, tá fazendo dois favores!
E tenho dito!

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Chove chuva, chove sem parar

E hoje é 2ª feira, chove torrencialmente nesta terra paulistana!
Saí correndo de casa, sem moto, por motivos óbvios;
Peguei o bus, fiquei com dor nas costas por tentar dormir e não conseguir;
Desço para pegar o 2ºbus, ponto lotadíssimo;
Vou para outro ponto depois de tentar por 15';
Espero, espero;
Lá vem o bus amarelinho;
Entro e percebo que esta fazendo um caminho diferente, muito diferente daquele que possuo em minha cabeça;
Claro esperta!
Não é este bus!
Desço ando uns 10' correndo na chuva, que guarda-chuva não segura.
Pego outro bus, desço e já sinto os dedinhos molhados dentro do tênis, a calça molhada, os cabelos arrepiados.
Não vou maldizer, porque se não fosse 2ªfeira, seria 3ª!

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Anônimo


Aí então, ontem recebi de presente: Rosas Colombianas (daquelas que ficam enormes), Colar e Brincos Swaroviski (lindos), Bombons Amor aos Pedaços, Cartão (contendo bela mensagem), tudo devidamente entregue pelo moço educado da Giuliana Flores, e nem era dia especial de nada...

Agora a dúvida que esta me deixando empolada de curiosidade: Quem foi que enviou?

Sei não, porque a pessoa não quis assinar o cartão e nem deixar identificação na loja, apenas agradeceu pelos serviços prestados (calma), foi algum paciente, agradecendo minha delicadeza, presteza, super simpatia como Assistente/Relações Públicas.

Infelizmente não vou poder colar um cartaz na parede com os dizeres: Anônimo! Por favor identifique-se!
Seja como for, adorei os presentes e fiquei muito feliz por ser lembrada de maneira tão delicada!