terça-feira, 11 de novembro de 2008

Japa Ausente

Coisas difícies quando o japaman esta na terra do longe, muito longe.
1º "Guardar" o carro na garagem. A garagem de casa é um abismo com uma inclinação fora do normal de 25º, penso todos os dias que o engenheiro que há projetou não tinha mãe.
2º Dormir só. Adoro deitar na "asinha" do japa, é muito aconchegante. A filhota fica na porta do quarto e nem entra porque não há como dormir embaixo da cama, porque não existe "embaixo da cama".
3º A casa não parece o lugar mais seguro quando estamos somente eu a filhota. Não sou medrosa, mas dá uma senssação estranha de que algo irá acontecer... eu hein...
4º Não tem com quem conversar. E eu quase nem gosto de falar né?!

Tem mais um montão de coisas mas, deixa para outra postagem.

4 comentários:

. disse...

Meu marido trabalha em turnos, entao a cada periodo curto de dias fica 2 noites longe.... no começo eu tinha medo até de andar pela casa e fazer barulho.
Coragem pra vc!!
Bjsss

Diane Lorde disse...

Medo de fazer barulho é ótima...rs
Acho que ele foi visitá-la... esta em Paris...
Bjocas!

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

A ausência as vezes é boa, sobretudo quando ela é temporária!
Beijocas e curta os seus momentos!

Diane Lorde disse...

Ausência curta é boa mesmo, porque dá uma saudades ficar longe de quem a gente ama...
Bjão!