terça-feira, 10 de julho de 2012

Playcenter

Me dê a sua mão e vamos juntos ao Playcenter! Era criança quando ouvi esta frase tocada como música em algum comercial falando sobre o parque. Ainda em comemoração ao meu aniversário que aconteceu no último dia 3, minha amiga/irmã resolveu me presentear com um passaporte para levar japakid, ela e a filha para passarmos um dia no Playcenter, antes que o mesmo se feche para todo o sempre (coisa que acontecerá dia 29 de julho deste ano). Lá fomos nós levar as crianças, sim, o aniversário é meu, mas quem tem filho sabe bem como são estas coisas.. Não me lembro a última vez em que havia estado no parque só sei que tem menos de 10 anos... Nossa, como me senti um peixe fora d'água. Não pelo parque em si, porque parque de diversões vamos e venhamos são todos bem semelhantes, mas me senti estranha com relação aos frequentadores e as "coisas" que vi por lá. Ok, ok, eu estou mais velha, mas não me tornei careta, só acho que alguns estilos realmente não combinam com um parque para jovens e crianças: - Pessoas fumando (mesmo sendo proibido); - Banheiros nojentos (nem preciso comentar); - Falta de segurança, não vi nenhum guarda, nem a paisana; - Lanches ruis e como sempre, muito caros; - Vários casais de meninos com meninos e meninas com meninas; - Meninas mega maquiadas (mesmo durante o dia) Sei lá, acho que nível dos frequentadores esta totalmente diferente daquele que um dia estive acostumada, e não estou falando de ser povão, eu também sou povão, mas tenho educação e sei respeitar o espaço dos outros. O valor do ingresso esta em torno de R$ 57,00, ou seja, não é barato, fora o estacionamento que são mais R$ 25,00. Os brinquedos infantis estavam bons, não fui nos brinquedos para adultos desta vez, então, ao menos para meu filho que ainda é muito pequeno para perceber algumas sutilezas, valeu pelo passeio, mas se perguntassem hoje se eu ainda voltaria ao Playcenter do jeito que eu vi no último sábado dia 7.7.2012 a resposta será não. Agora é aguardar para ver como será o novo parque, previsão para daqui 2 anos...

Nenhum comentário: